Mais de 60% dos casos de câncer de pele no Brasil acontecem em mulheres

Dermatologista do Cariri fala sobre as medidas preventivas que devem começar ainda na infância

O mês de Dezembro é marcado pela campanha de prevenção ao câncer de pele, esse ano a campanha estará virtual e irá enfatizar que a prevenção deve começar desde a infância. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer, o Inca, o Câncer de Pele é o mais frequente no Brasil. Ele pode ser dividido entre três tipos: o Carcinoma basocelular, o Carcinoma espinocelular e Câncer de pele melanoma.

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, a SBD, o Carcinoma Basocelular é o mais comum no país, apresentando 70% dos casos. O segundo é o Carcinoma Espinocelular que pode ser encontrado em 20% dos casos e o terceiro é o Câncer de pele melanoma que é menos comum, mas é considerado o mais severo que pode levar à morte.

No Brasil, conforme os dados obtidos pela Campanha do Dia Nacional de Combate ao Câncer da Pele 2018 realizada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia- SBD, o câncer de pele foi mais presente no sexo femino com 60,17% dos casos e no sexo masculino ele teve 39,83% de incidência. A estimativa de novos casos pelo INCA apresenta que o Câncer de Pele não Melanoma (Carcinoma basocelular e espinocelular) é de 176.930, sendo 83.770 homens e 93.160 mulheres.

Os fatores mais comuns que aumentam o risco do Câncer são a exposição prolongada e repetida ao sol (raios ultravioletas – UV), principalmente na infância e adolescência, ter pele e olhos claros, com cabelos ruivos ou loiros, ou ser albino e ter história familiar ou pessoal de câncer de pele. Então, a melhor forma de prevenção é utilizar sempre protetores solares diariamente, durante os horários de 10h às 16h utilizar também roupas que protejam mais o seu corpo e utilizar chapéus ou bonés.

A médica dermatologista Ana Maria Carreño, do ICMED Cariri, alerta a população sobre a importância das medidas de proteção solar, “Uso de filtro solar pelo menos fator 30, lembrando das reaplicações a cada três horas, uso também de medidas físicas de proteção como roupas de proteção solar, chapéu e óculos de sol. E também atentar que as crianças, assim como os idosos, devem ter uma atenção maior em relação a evitar o excesso da exposição solar e o uso de medidas de proteção”.

Para peles sensíveis e alérgicas a melhor opção é procurar por produtos antialérgicos ou hipoalergênicos. A Alergobela é uma loja voltada para alérgicos e pessoas de pele sensível, que fica em Juazeiro do Norte. Aqui, podem ser encontrados diversos produtos para proteção da pele, como os protetores solares.

Comente